Reunião de Câmara em Pedreiras

Reunião de Câmara em Pedreiras A freguesia de Pedreiras acolheu hoje, dia 2 de março, a reunião de câmara aberta ao público...

A freguesia de Pedreiras acolheu hoje, dia 2 de março, a reunião de câmara aberta ao público. O programa teve início logo pela manhã, com a visita aos vários lugares da freguesia.

A primeira paragem foi no Centro Escolar das Pedreiras. O Executivo Municipal e as Juntas de Freguesia tiveram oportunidade de visitar o espaço e detetar algumas correções de obra, como a necessidade de cobertura do parque infantil e outras que poderão trazer melhores condições para os alunos. Também a questão do ATL foi abordada, estando a ser analisada.

O Parque de Campismo, um dos locais de excelência da freguesia, será alvo de intervenção. Objetiva-se a criação de um anfiteatro, parque infantil, parque de arborismo e um parque de merendas, de modo a valorizar um espaço já por si muito visitado.

A possibilidade de colocação de semáforos para controlo de velocidade, no IC2, que neste momento aguarda o parecer das Infraestruturas de Portugal, o calcetamento de ruas e a instalação de rede de saneamento em alguns locais, foram outros dos pontos abordados durante esta visita.

A antiga Escola Primária da Cruz da Légua, cuja proposta de cedência foi à reunião de câmara de hoje, também foi visitada, com o acompanhamento de um representante da Comissão da Capela da Cruz da Légua, que apresentou as alterações que a Comissão ali pretende implementar.

A reunião de câmara iniciou pelas 14h30 com palavras de agradecimento do Presidente da Câmara, Jorge Vala, ao Executivo da Junta de Freguesia das Pedreiras pela receção. Durante esta introdução foi, ainda, reforçada a ideia de que as reuniões de câmara descentralizadas são uma forma fácil e transparente de chegar às populações e de lhes mostrar “a nossa discussão” sobre os vários assuntos analisados e, por esse motivo, é intenção do Executivo que as mesmas passem a realizar-se, dentro de pouco tempo, num horário mais tardio e mais acessível a todos.

No período que antecede a discussão da ordem dos trabalhos, ficou a indicação de que a curva do Manjoulo, na Corredoura, EN243, da responsabilidade das Infraestruturas de Portugal (antiga Estradas de Portugal) será intervencionada. Em poucos dias foram registados vários acidentes, motivo que levou o Município de Porto de Mós a reclamar junto desta entidade. Assim, o troço será fresado, levando, posteriormente, uma nova pavimentação.

Foi ainda dado a conhecer que a Câmara Municipal de Porto de Mós irá acolher um novo Coordenador Municipal de Proteção Civil. O Engenheiro Nuno Moleiro, Comandante dos Bombeiros Municipais de Santarém e Coordenador Municipal de Proteção Civil de Santarém, abraçará um novo desafio profissional, no Município de Porto de Mós, a partir de Maio.

Após estas informações foram, então, discutidos os assuntos presentes na ordem de trabalhos dos quais se destaca a cedência, em regime de comodato, das antigas escolas primárias da Cruz da Légua e do Tojal, ao Conselho Económico e Social das Pedreiras ao qual pertence a Comissão da Capela da Cruz da Légua e ao Grupo Desportivo do Tojal, respetivamente.

A sessão terminou com o convite para a participação de todos no Festival de Teatro – Teatremos, que inicia hoje e que decorrerá durante todo o mês de março, às sexta-feiras e sábados e no Juncal Jazz - Festival Jazz Juncal que acontece no Juncal, nos dias 3, 10 e 17 de março.

Voltar
Apoios Leiria Região Digital AMLEI pos_conhecimento FEDERAcessibilidade

Contactos | Avisos legais
Copyright © 2002-2012 Todos os direitos reservados.